terça-feira, 1 de janeiro de 2008

EU SOU A LENDA / I AM LEGEND


Sinopse
Robert Neville (Will Smith) é um cientista brilhante, mas nem mesmo ele conseguiu deter um mortal e incurável vírus criado pelo Homem. Sendo de alguma forma imune, Robert é agora o último sobrevivente do que resta da cidade de Nova Iorque e, talvez, do mundo. Por três anos, Neville tem desesperadamente tentado contactar outros possíveis sobreviventes via rádio, nunca perdendo a fé. Mas ele não está só. Vítimas mutantes da praga - O
s Infectados - escondem-se nas sombras... observando cada passo de Neville... esperando que ele cometa o fatal erro. Talvez sendo a última esperança da humanidade ele tem por missão encontrar uma maneira de desfazer os efeitos do vírus usando o seu próprio sangue, mesmo sabendo que está sozinho e com o tempo a escassear.

Critica

Aqui está uma estreia que veio aquecer este morno fim-de-ano cinematográfico. O filme é bom, obviamente muito se devendo aos efeitos especiais que o compõem. Destaco as cenas de uma Nova Yorque pós "Infecção", é fantástico vermos leões a passear pela Time Square.

Quanto a Will Smith já se tornou um hábito velo nestes registos de ficção, registos estes que lhe assentam que nem uma luva.
Vale a pena ver tanto pela acção como pela fotografia da "abandoned New York".



2 comentários:

rute disse...

vi o filme! Considerei-o demasiado fácil, que não chega a ser entretenimento. O filme na verdade é um pouco megalómano.

Vera Rafael disse...

eu vi o filme e adorei.

Acho uma história bonita, até porque não é todos os dias que vejo a personagem principal morrer. e filmes onde não haja uma paixão a meio... portanto... gostei muito.

Achei os infectados muito irreais (as bocas abriam demasiado e notava-se perfeitamente que eram computorizados)... gostei muito.