terça-feira, 29 de abril de 2008

À L'interieur / Inside



"Ouvre-Moi ta porte... que je t'ouvre le ventre"

Sinopse
Após um violento acidente de viação, que vitimou o seu marido, uma jovem grávida vê-se perseguida por uma estranha...

Opinião
Já à muito tempo que não via algo tão cru. Hostel e toda a saga Saw parecem coisas de criança perto desta produção francesa.
Este filme vem, mais uma vez, provar que na Europa se fazem filmes bons no que toca a horror e fantasia, pena é muitos deles ficarem esquecidos nalgumas prateleiras.
Descobri este filme por acaso e duvidava dele, quando o assisti todas as minhas dúvidas se dissiparam e vi-me perante uma película muito bem contruída com gore para dar e vender mas sempre com uma linha condutora muito real.
Aconselho vivamente este filme, não a pessoas sensíveis claro pois essas correm o risco de largar imediatamente o conteúdo do seu estômago no sofá.
Vive la France...

Links

1 comentário:

Passageiro disse...

Fantástico, muito superior a "Haute tension".
Há muito tempo, eu não vía um filme tão sangrento, nojento, "gore", como esse. Vou postar em maio, apra que os infernautas brasileiros conheçam essa produção surpreendente de horror.