segunda-feira, 19 de maio de 2008

John Rambo







"Heroes never die.... They just reload."
Sinopse
Vinte anos depois, “Rambo" (Sylvester Stallone) retirou-se para a Tailândia do Norte. Nas proximidades de Thai-Burma (Myanmar), a guerra civil com a maior duração da história da humanidade, o conflito Birmanês, vai já no seu 60.º ano. John Rambo vive agora uma vida solitária, simples, nas montanhas e nas selvas, a pescar e caçar. Tudo muda quando missionários dos Direitos Humanos o procuram. Estes explicam-lhe que, desde o ano anterior, no troço até aos acampamentos dos refugiados, as forças armadas da Birmânia colocaram minas ao longo da estrada tornando o percurso demasiado perigoso. Rambo guia-os através do rio Salween para que possam entregar medicamentos e alimentos à tribo de Karen. Menos de duas semanas mais tarde, o pastor Arthur Marsh (Ken Howard) encontra Rambo e diz-lhe que os trabalhadores da Ajuda Humanitária não regressaram e que as embaixadas nada fizeram para os encontrar. Embora o exército dos EUA o tenha treinado para ser um soldado letal no Vietname, décadas depois, a relutância de Rambo para a violência e o conflito são palpáveis e as suas cicatrizes desvaneceram-se mas continuam, contudo, visíveis. Entretanto, o guerreiro solitário sabe o que deve fazer...
[por Gabriel Pereira] IN "CinemaPTGate"

Opinião
Pois é, ele está de volta, em vez da bengala traz armamento pesado e utiliza-o desregradamente.
O filme sustenta-se na violência nua e crua, Stallone aqui não precisa de fingir que é actor, a jorrada de tiros, a tripalhada e os membros voadores fazem-nos esquecer qualquer tipo de actuação.
É um producto que nos faz lembrar um filme série B com um orçamento generoso, recorre-se a um país, que na realidade atravessa uma grande crise humanitária, para fazer renascer um mito que devia descansar em paz.
"Rocky Balboa", "John Rambo"... Stallone está imparável, o que é que vem a seguir o Bruce Lee Ressuscitado das cinzas para fazer um derradeiro filme, já estou a imaginar o som dos ossinhos do bruce a lutar ca malta.
John Rambo, 3 palavrinhas para ti, em inglês para perceberes: Rest In Peace
Quanto a ti Stallone, venha dai um novo "Cobra" com o palitinho no dente (até calha bem que fumar está fora de moda).
Já agora, este filme merece lugar no meu blog dada a quantidade de tripas, sangue e membros que espalha pelo ecrã.

2 comentários:

Joãozinho " Mergulhão " disse...

Podes ter alguma razão técnica sobre o filme, o “ actor “ e sobre o facto de ressuscitarem um “ herói”…
Mas a verdade é que as vezes precisamos de imaginar que era bom que existissem heróis que fizessem o mesmo o que Rambo faz, que estripassem todos esses gajos que fazem mal por esse mundo fora…

Já agora vai ser no cinema e quando?

P.S.
( “ Força Com.dor “, vê se arranjas um tempito para vires fazer montanha, este fim-de-semana vamos subir o Caramulo.)

Pacadifam disse...

Amigo "mergulhão", o filme estreou no cinema no dia 07 de Fevereiro (ver dados técnicos) deve estar a estoirar em dvd.
Realmente fazia-nos falta uns rambolas, mas sem botox.
Estou ansioso para mais um "passeio" com a malta, contudo no próximo fds que estaremos por ai (09 Junho) vamos à Regua.
Abraço,